quarta-feira, 22 de julho de 2009

tudo por me chamar vizinho....

Caro amigo (meu cada vez menos virtual amigo e cada vez mais uma presença real no meu dia a dia, e que, como disse, cada vez mais desvendado)!

Espero que esta sensação de se sentir desvendado não seja desagradável, mas sim um indicador que tudo tem portas e elas começam a abrir para caminhos, esses sim sempre um agradável e excitante mistério! Esta é uma perspectiva perante a vida, que tenho que confessar que nem sempre a o por mim professada! Alturas houve em que portas e janelas estavam, preferencialmente sempre fechadas e serviam de escudo perante uma Vida que assustava e que agora descubro repleta de maravilhas e encantamentos! Por vezes sinto-me uma Alice no País das Maravilhas ou recordando uma outra referência literária que mais fala ao meu coração; uma Dorothy em pleno mundo de Oz! Coisa de alguém para quem os livros são mais do que folhas impressas que podem amarelecer e cair no esquecimento! São quase tudo e em especial mais do que simples palavras! Verdadeiros ensinamentos e pistas de descoberta!
Mas apesar de os sempre ter amado, tenho novamente que confessar que nem sempre o relacionamento com eles se deu a este nível...

Acho que o devo estar a maçar enormemente, mas senti, do que me foi "desvendando", um ser, ainda muito virtual, é certo, mas muito próximo do meu ser e dos meus Sentires, a quem talvez as minhas palavras não sejam completamente um conjunto de disparates e que sejam lidas com enfado! Desde já peço-lhe a sinceridade na resposta, a esta semi pergunta, a que me tem já habituado!
Foi com muito prazer que li sobre o seu relacionamento com a música! Esta é o mistério dos mistérios para a minha espantada alma! Como posso eu amar algo que me completamente vedado ao entendimento e, que por vicissitudes da vida me esteve sempre um pouco distante??!! Mas amo, e agora com redobrado carinho, pois tem sido facilitadora e mesmo importante no vencer das escarpas que eu própria quase tinha criado em meu redor...

Pelo que me estou a aperceber, ainda não será desta que desvendarei os mistérios do meu pouco vulgar apelido, ponto inicial de tudo isto, que entretanto despoletou todo um outro caminho que me tem sido muito agradável!
Desde já as minhas desculpas! Tentarei numa próxima oportunidade não me deixar levar por toda esta necessidade de me "desvendar" da forma que me é mais agradável e que não tenho a oportunidade de fazer!

Despeço-me já ansiosa por mais descobertas que espero encontrar num próximo "encontro"!!! Aproveito para dizer que durante a próxima semana estarei, ao serviço da escola, em França e não sei quais as minhas hipóteses de comunicação virtual.
Até breve! Um beijo!
Ana

3 comentários:

PedrasTuas disse...

Comentário da Vizinho:

Uma confusão com o nome que desencadeou uma sucessão de mails entre dois estranhos que se foram "conhecendo", nunca tendo entretanto a oportunidade de fazer realmente. Restam boas memórias...

E é isso que hoje recordei... Deve ser da música...

manuel marques disse...

"Quanto o bem desejado está mais vizinho, tanto é maior o desejo "
abraço.

PedrasTuas disse...

Querido Manuel! Consegue sempre fazer-me sorrir...

Beijo e abraço