domingo, 12 de outubro de 2008

É urgente o Amor e destruir certas palavras

É urgente o amor.
É urgente um barco no mar.
É urgente destruir certas palavras,
ódio, solidão e crueldade,
alguns lamentos,
muitas espadas.
É urgente inventar alegria,
multiplicar os beijos, as searas,
é urgente descobrir rosas e rios
e manhãs claras.
Cai o silêncio nos ombros e a luz
impura, até doer.
É urgente o amor,
é urgente
permanecer.

Eugénio de Andrade

10 comentários:

manuel marques disse...

Toda a palavra pronunciada é falsa. Toda a palavra escrita é falsa. Toda a palavra é falsa. Mas o que existe sem palavras?

PedrasTuas disse...

Nada.

manuel marques disse...

Nenhum de nós sabe o que existe e o que não existe. Vivemos de palavras. Vamos até à cova com palavras. Submetem-nos, subjugam-nos. Pesam toneladas, têm a espessura de montanhas. São as palavras que nos contêm, são as palavras que nos conduzem. Mas há momentos em que cada um redobra de proporções, há momentos em que a vida se me afigura iluminada por outra claridade. Há momentos em que cada um grita: - Eu não vivi! eu não vivi! eu não vivi! - Há momentos em que deparamos com outra figura maior, que nos mete medo. A vida é só isto?

(Raul Brandão)

Rosa Oliveira disse...

Pedras, hibernaste?

manuel marques disse...

Se calhar...

manuel marques disse...

Caríssima amiga, nunca se esqueça que as PEDRAS roliças,não criam bolor.

manuel marques disse...

Definitivamente o musgo vai se instalando nestas pedras!

PedrasTuas disse...

O musgo quer permanecer nas pedras...tem sido difícil a libertação.
Talvez o novo ano traga novas Pedras...
obrigada pelos comentários...mesmo em auseência...

manuel marques disse...

Acende as velas
da árvore de sua vida
para aquecer a família
neste Natal!

Pendure os presentes,
bem amarrados,
e faça uma promessa
a você mesmo
de se libertar
dos passados.

Faça um pisca-pisca
dos seus olhos,
e não dê tanta
importância
às coisas passageiras.
A vida é um festival!

Siga em frente!
Prepare a ponteira
da árvore para indicar
novo caminho,
afinal,
tudo é festa,
nesta noite de Natal!

Ivone Boechat

Feliz Natal para si e para os seus.

PedrasTuas disse...

É URGENTÍSSIMO VOLTARES A ESCREVER,NÃO ACREDITO QUE TE DEIXASTE DOMINAR POR ESSA PREGUIÇA...VÁ LÁ...É URGENTE SENTARES À MESA E DEIXARES SAIR A TODA A TUA CRIAÇÃO.O QUE TENS DE BOM EM TI... TU SABES QUE QUALIDADES NÃO TE FALTAM!!!!
FICO À TUA ESPERA...MAS NÃO VOU ESPERAR ETERNAMENTE!!!!

COM AMIZADE...PEDRASNUAS